Aprenda a Ganhar Dinheiro do seu Jeito na Internet!

O Telescópio Arecibo vítima de um novo acidente

Estás a ler: O Telescópio Arecibo vítima de um novo acidente

Além da pandemia de Covid-19, 2020 também parece ser um ano muito ruim para os astrônomos, especialmente aqueles que trabalham com o Observatório de Arecibo, em Porto Rico. O telescópio gigante acaba de ser vítima de um acidente, o segundo em poucos meses.

Os problemas em Arecibo começaram por volta de agosto deste ano. Um dos cabos auxiliares quebrou e sua queda causou enormes danos ao refletor parabólico. Desde então, engenheiros e técnicos do observatório fizeram os preparativos antes de começarem o trabalho de reparo. Eles foram, no entanto, pegos de surpresa com este recente incidente que aconteceu na sexta-feira, 6 de novembro passado, e que viu um segundo cabo quebrar, causando ainda mais danos.

Créditos Pixabay

Segundo Francisco Cordova, diretor do observatório, não era nada disso que eles esperavam que acontecesse. Mas felizmente ninguém ficou ferido.

A causa da segunda ruptura

A UCF ou University of Central Florida, que opera o observatório em nome da National Science Foundation, disse que parece haver uma conexão entre os dois incidentes. Os dois cabos afetados pelo problema estão de fato conectados à mesma torre de suporte e é possível que a segunda ruptura tenha sido causada por tensão adicional que surgiu após o primeiro incidente.

Alegadamente, os funcionários do observatório também rastrearam todos os cabos após o que aconteceu em agosto. Puderam assim observar que os fios se romperam ao nível do cabo que acabou de se soltar, provavelmente devido à carga adicional.

Medidas de emergência a tomar

Após este segundo acidente, a UCF decidiu trazer outros engenheiros para ajudá-los a avaliar a situação. Eles também querem acelerar o trabalho para reduzir a tensão nos cabos restantes. Sabemos assim que são esperados dois novos cabos no observatório para substituir os que falharam.

Segundo Cordova, ainda haverá muita incerteza até que possam estabilizar a estrutura. Ele acrescentou que eles estão atualmente avaliando a situação com a ajuda de especialistas e esperam ter notícias para compartilhar em breve.

Vamos torcer para que o trabalho de reparo ainda dê frutos, mesmo que pareça a priori bastante complexo. Uma das principais fontes de dificuldade é a idade das instalações, que ainda eram construídas na década de 1960.

~~~~~~~~📱~~~~~~~~

PCtg.net é o lugar perfeito para encontrar as últimas notícias e análises sobre gadgets e aplicativos de tecnologia, bem como dicas e truques sobre como tirar o máximo proveito de sua tecnologia.