Aprenda a Ganhar Dinheiro do seu Jeito na Internet!

Oumuama não teria revelado todos os seus segredos no final

Estás a ler: Oumuama não teria revelado todos os seus segredos no final

Oumuamua tem fascinado os astrônomos há vários meses e isso não é surpreendente, pois este corpo é o primeiro objeto interestelar observado por nossos instrumentos. No entanto, um novo estudo mais uma vez questiona sua natureza.

Oumuamua apareceu em nossos radares em 2017. Os astrônomos primeiro classificaram-no como um asteroide antes de revisitar sua cópia alguns meses depois.

Oumuamua

Em abril, Sean Raymond de fato realizou um novo estudo mostrando que o corpo não apresentava as características de um asteroide e então assumiu que era de fato um planetesimal.

E, portanto, um corpo celeste do disco protoplanetário ou de um simples disco de detritos.

Oumuamua, um enigma astronômico

Pouco antes do verão, outro estudo foi publicado, um estudo desta vez referindo-se a uma aceleração repentina do corpo. Marco Micheli e vários investigadores que trabalham para a ESA começaram por supor que esta aceleração era causada pela influência gravitacional dos planetas do nosso sistema, mas acabaram por detectar gás a escapar do seu núcleo.

Oumuamua então perdeu seu status de asteroide para finalmente ficar do lado dos cometas.

Na época, a agência espacial européia havia até publicado um comunicado de imprensa sem deixar margem para dúvidas.

E agora, aqui está um novo estudo que mais uma vez desafia tudo o que pensávamos saber sobre o corpo.

De acordo com Roman Rafikov, um astrofísico que trabalha para a Universidade de Cambridge, é realmente impossível que Oumuamua seja um cometa. Segundo ele, se fosse esse o caso, o corpo não poderia ter sobrevivido à sua passagem pelo nosso sistema.

Asteróide, cometa ou nenhum dos dois?

As forças na origem de sua aceleração repentina acabariam de fato causando uma rápida aceleração da velocidade de rotação do objeto em seu eixo e este último acabaria se dividindo em duas partes (ou mais) levando em conta seu alongamento forma.

Oumuamua também surpreendeu os pesquisadores com sua forma. Ao contrário dos asteróides presentes em nosso sistema, o corpo é alongado e, portanto, mede aproximadamente quatrocentos metros de comprimento… quarenta de largura.

Neste contexto, Rafikov considera que é estritamente impossível que o corpo seja um cometa.

Tenha cuidado, porém, porque o artigo – disponível neste endereço – ainda não foi revisado por pares. Portanto, deve ser tomado com as precauções usuais.

~~~~~~~~📱~~~~~~~~

PCtg.net é o lugar perfeito para encontrar as últimas notícias e análises sobre gadgets e aplicativos de tecnologia, bem como dicas e truques sobre como tirar o máximo proveito de sua tecnologia.