Aprenda a Ganhar Dinheiro do seu Jeito na Internet!

The Sims 4: você terá que contar com uma fórmula premium!

Estás a ler: The Sims 4: você terá que contar com uma fórmula premium!

The Sims 4 são esperados para 4 de setembro. Os fãs estão batendo os pés, é claro. Bastante lógico, especialmente com esses vídeos que se sucedem em um ritmo frenético. E precisamente, a Electronic Arts colocou online durante o fim de semana um novo vídeo de jogabilidade por pouco mais de 20 minutos. Ótimo, mas o melhor ainda está por vir porque a editora involuntariamente apresentou uma novidade que deve fazer alguns se encolherem.

O modelo econômico do The Sims foi bem estabelecido para a época com um novo título de tempos em tempos, dezenas de extensões para adicionar recursos a ele e alguns conteúdos premium cobrados a um preço alto como bônus.

The Sims 4 Premium

Veja o exemplo do The Sims 3. Ele chegou ao mercado em 2009. No PC e depois no console. Com uma primeira prorrogação no final do mesmo ano, outras duas no ano seguinte, outras duas no ano seguinte e assim sucessivamente. No total, são nada menos que onze extensões que foram lançados entre o final de 2009 e o final de 2013. Extensões que venderam vários milhões de cópias.

A Electronic Arts poderia ter parado por aí, mas foi muito ruim conhecê-lo. Com o seu título, a editora teve a inteligência de lançar uma loja online permitindo aos jogadores comprar e baixar conteúdo adicional para o jogo, todos com um sistema de pontos baseado em dinheiro vivo.

Será o mesmo com The Sims 4?

É bem possível, mas a editora aparentemente está procurando outros caminhos. No vídeo a seguir, no décimo terceiro minuto, é claramente sugerido um novo sistema de assinatura: “Torne-se um membro Premium para ter uma prévia de três novos pacotes, com itens exclusivos. Seu Sim pode usar uma fantasia assustadora, acampar ao ar livre e até comemorar o Ano Novo em grande estilo”.

A ideia parece bastante simples, seria oferecer aos jogadores uma fórmula de assinatura específica (mensal ou anual) dando-lhes acesso a conteúdos adicionais e descontos na compra de novos pacotes de conteúdos.

E deve-se admitir, o anúncio é muito desconcertante. O setor de videogames está mudando, é fato. Hoje, o “freemium” reina supremo e os DLCs estão se multiplicando como pão quente, para o desgosto de nossa pobre carteira. A Electronic Arts, por outro lado, parece querer as duas coisas, correndo o risco de alienar seus fãs.

Ah, já se foram os dias em que bastava comprar (ou baixar) um bolo para se divertir por vários anos.

Através da

~~~~~~~~📱~~~~~~~~

PCtg.net é o lugar perfeito para encontrar as últimas notícias e análises sobre gadgets e aplicativos de tecnologia, bem como dicas e truques sobre como tirar o máximo proveito de sua tecnologia.